Agência Jovens Protagonistas. Foto: Divulgação.

Em 2019, diversos projetos voltados para áreas como educação, saúde, esporte e geração de renda passarão a integrar a lista de inciativas apoiadas pelo Instituto EDP em São Paulo, organização que há onze anos gere as ações socioambientais do Grupo EDP.

A região Metropolitana do Vale do Paraíba está representada pelo projeto Agência Jovens Protagonistas, cujo objetivo é qualificar adolescentes e jovens talentos que vivem em situação de vulnerabilidade social. O programa facilita a profissionalização dos jovens para que se tornem agentes cidadãos multiplicadores de conhecimentos, atua na formação audiovisual e na difusão por meio de um Canal Comunitário de TV.

Outro representante é a Expansão do Serviço de Neurologia para Rede SUS / GACC, que proporciona o aumento do serviço de neurologia por meio de tratamento especializado e integral aos pacientes da rede SUS com neoplasia de sistema nervoso central.

Em Pindamonhangaba (SP), o Projeto Sinfonia – Transformação de Vida Através de Música e a Associação dos Salesianos Cooperadores da cidade promovem a inclusão social e contribuem para a formação, a difusão, e a valorização da educação e da cultura por meio do ensino da música instrumental gratuita. Atualmente, envolve diretamente 80 crianças, adolescentes e jovens deste município e do distrito de Moreira César.

Em São José dos Campos (SP), o Adequar para Melhor Atender e a Casa de Oração Missionários da Luz contemplam melhores físicas necessárias para a ampliação do Serviço de Convivência, que hoje atende 15 idosos em situação de vulnerabilidade social.

Segundo Paulo Ramicelli, assessor de diretoria do Instituto EDP, “O IEDP procura apoiar iniciativas que promovam o desenvolvimento humano e social. Por isso, buscamos firmar parcerias com projetos transformadores, tanto para as pessoas que participam das ações quanto para as comunidades como um todo. Acreditamos que a descoberta de como cada um pode fazer a diferença torna a sociedade melhor e gera oportunidades para o crescimento equilibrado e sustentável das áreas onde atuamos”.

Participaram do processo de seleção iniciativas aprovadas pelas Leis de Incentivo Federal nas áreas de Cultura (Lei Rouanet/Cultura – Nº 8.313/91), Esporte (Esporte – Nº 11.438/06), Saúde (PRONON/Saúde – Nº Lei 12.715/12, destinadas à Oncologia, e PRONAS/Saúde – Nº Lei 12.715/12), Criança e Adolescente (Lei Nº 8069/90) e Idoso (Lei Nº 12.213).

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here